Icone Instagram Icone Facebook Icone Youtube

Área do Cliente

Esqueceu a Senha?

Fidelidade Corretor


Esqueci minha senha

Momento da vistoria do imóvel. Como funciona?

22 de junho de 2018
pexels-photo-416322

A vistoria do imóvel é uma das atividades mais importantes a ser realizada, tanto para quem quer adquirir um ou até mesmo alugar um apartamento ou casa.

Afinal, ninguém quer se dar ao trabalho de investir um valor considerável, fechar negócio, se mudar e, depois de tudo organizado, encontrar um defeito no encanamento ou uma infiltração no banheiro.

Aliás, a vistoria do imóvel é uma tarefa que deve ser obrigatória e prioritária, mesmo que o apartamento que você está comprando ainda esteja sendo construído ou você seja o primeiro morador do lugar – nesses casos, é o Memorial Descritivoregistrado em cartório pela construtora que irá auxiliar na vistoria.

Então, se o assunto de hoje é de seu interesse, separe alguns minutinhos para ficar por dentro sobre o passo a passo de uma boa vistoria do imóvel e fazer a compra certa.

1. Entenda o objetivo da vistoria do imóvel

O objetivo da vistoria do imóvel é mais do que verificar se existem defeitos que possam comprometer o seu valor de venda e, ainda, a segurança dos futuros moradores.

Ela também é fundamental para que haja transparência nesse tipo de transação financeira, garantindo que o comprador tenha em mãos um produto conforme acordado em contrato e, ainda, protege o vendedor de possíveis avarias no imóvel, no caso de um aluguel, por exemplo.

Aqui cabem algumas considerações a respeito da vistoria:

  • Quando o imóvel for novo ou comprado ainda na planta, como dissemos no início do post, é o Memorial Descritivo registrado em cartório pela construtora que contém todas as informações detalhadas sobre ele. Elas devem ser conferidas na vistoria antes do recebimento das chaves ou antes de assinar o contrato;
  • Quando o imóvel for usado, nem sempre ele tem um Memorial Descritivo. Nesse caso, a vistoria também deve ser realizada sob a orientação de um profissional e tudo deve constar no contrato de compra.

2. Saiba o que deve ser verificado durante a vistoria do imóvel

A seguir, eis um checklist sobre os itens que devem passar por vistoria:

# Infraestrutura

  • Parte elétrica: condições das tomadas e de toda a fiação do imóvel;
  • Parte hidráulica: torneiras, chuveiros, válvulas dos sanitários, canalização dos esgotos, box, escoamento da água em banheiros, cozinhas e demais áreas comuns;
  • Inspeção de gás: condições das instalações de gás que possam prejudicar o uso de equipamentos como fogão e aquecedores;
  • Forros e pisos: possíveis rachaduras, furos, ladrilhos soltos, imperfeições graves, buracos, nivelamento, contrapiso e rodapé;
  • Revestimentos e pintura: condições da pintura, incluindo na parte externa; estado dos azulejos, rejunte e condições dos demais revestimentos;
  • Janelas e portas: resistência, trincos e fechaduras, fixação dos parafusos, regulagem dos fechos, rasgos de saída da água, borrachas, roldanas e vedação;
  • Áreas comuns: no caso de apartamentos ou condomínios residenciais, é preciso verificar halls, elevadores, áreas de lazer, salões, etc., pois alguns problemas podem interferir no uso dos moradores, afetando o valor do imóvel;
  • Vaga de garagem: condições de passagem do veículo, segurança, acesso, tamanho e se a vaga em questão consta no contrato;

# Mobiliário

A vistoria do imóvel deve ser estendida se o mesmo conta com a presença de mobiliário, como armários, gabinetes, closet e estantes, por exemplo.

Nesses casos, é preciso verificar o estado de conservação dos mesmos, dando atenção a dobradiças, puxadores e à fixação segura destes objetos em paredes e outros locais.

# Medidas do imóvel

A vistoria do imóvel se estende também ao seu tamanho. Ele deve estar condizente com as medidas passadas pela construtora ou pelo proprietário, e, caso a diferença seja maior que 5%, é preciso renegociar o valor do imóvel ou tomar outras medidas.

3. Saiba quem deve te acompanhar na vistoria do imóvel

De uma forma geral pode ser o corretor de imóveis, o comprador e um responsável pela venda e aluguel quem cuida dessa parte de vistoria – por isso é tão importante escolher um profissional certificado (entenda melhor neste post aqui).

Na hora de fazer uma vistoria do imóvel, será preciso, ainda, contar com o auxílio de outros profissionais, como engenheiros e até eletricistas, que conseguem detectar problemas imperceptíveis para leigos.

Aliás, contar com a presença de um profissional desses é muito importante para manter a segurança da própria vistoria, principalmente em relação a parte elétrica, hidráulica e as instalações de gás – tanto em imóveis novos quanto em imóveis usados. Afinal, eles contam com os equipamentos apropriados para os testes, evitando riscos e acidentes.

E não se esqueça: só compre o imóvel após ele estar devidamente vistoriado, seguro e seus detalhes estejam no contrato – mesmo que essa tarefa demore um tempo além do esperado por você. Isso evitará muita dor de cabeça futura!

Se você ficou com alguma dúvida sobre esse assunto, deixe o seu comentário abaixo ou, se preferir, entre em contato com a gente neste link aqui. Temos excelentes opções de empreendimentos imobiliários em Fortaleza e região construídos com as melhores práticas de segurança e modernidade. Até a próxima!

Compartilhe esse conteúdoShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

Comentários

Telefone

Telefone:

(85) 3133.4050

Whatsapp do Cliente

Whatsapp p/ Clientes:

(85) 98628-0062

Whatsapp do Corretor

Whatsapp p/ Corretores:

(85) 98203-2700